ERRATA sobre o Caderno de Resumos de 2014 

Informamos que houve um erro no Caderno de Resumos do Encontro de 2014!

O resumo da comunicação "Agostinho e a Vontade na interpretação de Hann Arendt" do expositor Pedro Henrique Pereira da Silva (UFSJ) da mesa 21 de quarta-feira (09/04/2014) não constava no Caderno de Resumos do Encontro de 2014.

Pedro Henrique Pereira da Silva (UFSJ)
Título: Agostinho e a Vontade na interpretação de Hannah Arendt

Considerado por Hannah Arendt como o primeiro filósofo cristão e o primeiro que recorreu ao místico na compreensão de questões filosóficas, Agostinho elaborou um conceito de Vontade, que será analisado neste trabalho. Com base em suas reflexões, Arendt aponta que o interesse inicial pela Vontade se dá pela investigação sobre a causa do mal, e que partindo da Epístola de Paulo aos Romanos, Agostinho chega ao fenômeno da faculdade de sua escolha. Esta jaz em função do velle e nolle, o querer e o deixar de querer. Ao refletir sobre seus conflitos, descobriu ser errônea a interpretação de Paulo sobre uma luta entre carne e espírito. O problema não está na dupla natureza do homem, mas no próprio exercício da Vontade. Com efeito, esta provém do conflito das que com ela coexistem, mas que não deixam de ser uma só, que se transforma na sua plenitude em Amor.
Palavras-chave: Vontade; Querer; Amor.